Consultas

 
 
 

Consultas de Osteopatia

 
A consulta de osteopatia tem por base uma boa anamnese para o correcto diagnóstico. É fundamental a sua colaboração.
Após um exame físico e postural detalhado, se o seu caso tiver indicação osteopática passaremos então ao tratamento em si. No caso de contra-indicação ou necessidade de realização exame complementar, será devidamente encaminhado.

O tratamento osteopático tem como porta de entrada a sua pele, fáscia, músculos, tendões, ossos, ligamentos, articulações, ou seja, o osteopata usa o sistema neuromúsculo-esquelético do paciente e as suas relações anátomo-fisiológicas, para influenciar e optimizar outras estruturas, funções e sistemas.

As técnicas usadas são então sobretudo de contacto, usando as mãos como ferramenta principal na arte de escutar o seu corpo. O mito social que alimenta algum receio e ansiedade sobre o "estalar ossos" será facilmente esquecido quando se aperceber que a grande maioria das técnicas osteopáticas pressupõem suavidade e cuidado. Será dada grande relevância ao seu conforto. A variabilidade de situações exige comunicação da evolução do estado após consulta, no sentido de ponderar o melhor tratamento possível. A maior ou menor agudização do estado clínico ditará a frequência de consultas.